Cuidados com a pele

Opinião Sincera: BEYOUNG BOOSTER

Olá pessoal!! Tudo bem?

Há alguns meses, venho testando aquele beyoung booster, que tem sido muito divulgado, principalmente em forma de publieditorial, pelas blogueiras, e algumas amigas me pediram para falar sobre. Eu quis testar bastante, para ser sincera, pois, pelo contrário das blogueiras, não estou ganhando nada para falar bem, muito menos mal…

Resultado de imagem para beyoung booster

Eu decidi dar uma pesquisada sobre o produto, entrei no site oficial da Beyoung, pesquisei por resenhas de pessoas que compraram o produto e pesquisei por reclamações no Reclame Aqui. Tem algumas (pra não dizer muitas). Quis arriscar.

Abaixo, o que o produto promete. Imagem retirada do site.

1Em alguns vídeos do youtube, alguns comentários de pessoas que usaram o sérum e disseram amar ou gostar, outros são os de pessoas que disseram que compraram e que não presta, não faz diferença e mesmo que se sentiram enganados pela suposta propaganda enganosa.

Alguns comentários também deixaram claro que nem o efeito tensor do Beyoung, descrito em algumas resenhas, foi notado, mas vi alguns relatos de que o produto ( sérum ) deixou a pele hidratada e viçosa.

2

Se você nunca usou e quer um tratamento de verdade, não compre. A única coisa que poderia servir como tratamento no que diz respeito a rugas e flacidez seria esse trifluoroacetyl tripeptide-2.

Não é uma substância conceituada, nem com bons estudos quanto eficácia e que, baseado nas experiências de quem fez uso, parece mesmo não fazer muita coisa.

Lembrem-se que uma fórmula simples com glicerina é suficiente para hidratar a pele.

Efeito Lifting: Pra ser bem sincera, senti pouca diferença. Dá pra perceber que a pele tem o produto (sabe quando colocamos cola na mão e ela seca?). Muito da melhora da pele no momento da aplicação é explicada pela glicerina presente na fórmula.

Uniformiza a pele: Diminui olheiras: Nunca!!

Aumenta a duração da maquiagem: Também não senti muita diferença. Usando ele ou um primer comum, daria no mesmo. Não senti que reduz os poros.

Controle de oleosidade: Também, outro ponto que não senti diferença NENHUMA. No momento da aplicação sim, a pele fica matte, porém, com o passar das horas, vai aparecendo a oleosidade na zona T.

Conclusão: Se você espera milagre e rejuvenescimento expressivo e irreal de um creme: não compre. Você vai se frustar.

Eu não compraria novamente e não recomendaria, mas vocês possuem direito de escolha e devem lembrar que muitas pessoas compraram e relataram bons resultados. O efeito primer pode ser bom, acredito que existam melhores, mas o tratamento que isso proporciona não é, de fato, sustentado.

 

Pra pensar: a blogueira que divulgou usou, de fato, esse produto?

Opinião baseada no uso prolongado do produto. Não é publicidade.

Bjs!!♥

Cuidados com a pele

Os efeitos do sol para a pele

Olá pessoal!! Tudo bem?

Verão chegou, e com ele o sol! Ah! o verão!

Porém, temos que tomar alguns cuidados.

A exposição solar sem proteção ao longo da vida pode causar câncer de pele. Isso acontece porque a radiação ultravioleta, que penetra na pele, tem efeito cumulativo. Os raios UV danificam o DNA de células e podem surgir lesões na pele. “Uma lesão que não existia, que sangra, não cicatriza, que cresceu, que tem mais de uma coloração pode ser sinal de câncer de pele e tem que ser avaliada por um dermatologista”, explica a dermatologista Caroline Assed, assessora da diretoria da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

O câncer de pele pode ser não melanoma e melanoma. O não melanoma é o tumor mais frequente no Brasil e o menos agressivo; com alto índice de cura. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), corresponde a 30% de todos os tumores malignos registrados no país. “Os carcinomas (câncer de pele não melanoma) se manifestam como nódulos ou feridas que não cicatrizam. A exposição solar crônica é a principal causa”, afirma o oncologista Rafael Aron Schmerling, integrante do Comitê Científico do Instituto Vencer o Câncer.

Resultado de imagem para efeitos do sol na pele

Já o melanoma é mais agressivo e tem possibilidade de metástase. No entanto, se for diagnosticado precocemente, o prognóstico é bom. “Pintas diferentes das demais, com bordas irregulares, que mudam de tamanho e aspecto em semanas podem indicar a presença de melanoma”, acrescenta o oncologista Rafael Aron Schmerling.

Segundo os dados do INCA, o melanoma representa apenas 3% dos casos de câncer de pele que são registrados no país. Além da exposição solar, há outros fatores de risco. “Queimaduras solares na infância são fatores de risco. Pessoas com pele e olhos claros e os ruivos têm mais chance de desenvolver a doença. A história familiar também pode influenciar”, afirma a dermatologista Caroline Assed.

É importante ficar atento às alterações na pele. A regra ABCD auxilia na identificação de lesões que podem ser malignas. Se a lesão for assimétrica, com bordas irregulares, a cor tiver dois tons ou mais e a dimensão for de mais de 6 milímetros, pode ser sinal de câncer de pele. Mas só um médico pode fazer a avaliação correta. Por isso, recomenda-se a consulta regular a um dermatologista. Medidas de prevenção também devem ser adotadas. Deve-se evitar a exposição solar entre 10h e 16h, usar protetor solar, chapéus e camisetas que protejam dos raios ultravioleta.

Por isso, curta o verão, com proteção!

Bjs!!

Cuidados com a pele · Estética

Microagulhamento: ameniza manchas e deixa a pele incrivelmente renovada

Olá Pessoal!! Tudo bem?

Você provavelmente já ouviu falar sobre a técnica de microagulhamento que, com o auxílio de agulhas muito finas, estimula o colágeno da pele e atenua sinais de envelhecimento. Atualmente, ela é realizada, inclusive, com o auxílio de um equipamento chamado Roller, que tem cerca de 200 agulhas, facilitando a aplicação.

O microagulhamento ou a indução percutânea de colágeno (IPCA) tem atraído muito a atenção das pessoas que apostam em tratamentos clínicos ou estéticos para cuidar da beleza da pele, pois pode tratar diversos aspectos da pele, especialmente facial.

Resultado de imagem para microagulhamento

O tratamento é realizado através de dispositivos compostos por pequenas agulhas que causam microperfurações na pele. Estas microperfurações são responsáveis pela indução de um processo inflamatório no local, capaz de estimular os fibroblastos, que são células responsáveis pela produção de colágeno local.

Além disso, através das pequenas perfurações causadas, é possível a redução da pigmentação de manchas, especialmente do melasma. Estudos recentes mostram melhora considerável em manchas de melasma resistentes a outros tratamentos.

O microagulhamento tem como principal objetivo a indução percutânea de colágeno, a angiogenese (criação de vasos sanguíneos novos) e um aumento da vasodilatação, fazendo com que haja uma melhora de oxigenação e nutrição nos tecidos.

As indicações do tratamento são diversas, mas as principais são:

  • Redução do melasma;
  • Redução de cicatrizes de acne;
  • Redução de rugas;
  • Redução/melhora de estrias;
  • Melhora de poros e textura da pele;
  • Redução de cicatrizes traumáticas e/ou cirúrgicas.

O microagulhamento pode ser indicado para rejuvenescimento facial, tratamento de estrias, manchas, além de alopecia e flacidez.

Resultado de imagem para microagulhamento

Vale ressaltar que o microagulhamento pode ser utilizado tanto no rosto, como em outras partes do corpo, inclusive no couro cabeludo, para estimular a circulação sanguínea da região.

Como é feito o microagulhamento?

Primeiramente é feita uma higienização e assepsia da pele. Depois, é escolhida a agulha a ser utilizada de acordo com o tratamento proposto. O Roller é passado na pele nas quatro direções (vertical, horizontal, diagonal direita e esquerda), cinco vezes cada. Durante o microagulhamento, utilizamos um cosmético apropriado para o tipo de pele e tratamento.

O caso específico de tratamento para o rosto, após a antissepsia da pele e aplicação de creme anestésico, é feita a aplicação da IPCA em várias passadas em toda a face. De acordo com a necessidade, são utilizadas agulhas de diferentes tamanhos: para lesões superficiais, agulhas menores; para lesões profundas como cicatrizes, agulhas mais longas.

Resultado de imagem para microagulhamento

Após o procedimento, há inchaço de leve a moderado, e vermelhidão na pele que varia de acordo com a intensidade da aplicação. A recuperação costuma ser mais rápida em comparação ao laser.

Existem três tipos de melasma: o epidérmico (mais superficial), o dérmico (mais profundo) e o misto (nas duas camadas). Para cada um, devem ser usadas medicações e concentrações específicas. Se o tratamento não estiver correto, ele pode causar a irritação e piorar a lesão.

Vale reforçar que, por se tratar de procedimento invasivo, o microagulhamento ou IPCA deve ser realizado por um profissional habilitado para isso, a fim de garantir a correta avaliação de indicações e contraindicações, além de prevenção e complicações.

Assim, o microagulhamento deve ser feito preferencialmente por médicos dermatologistas, ou ainda, cirurgiões plásticos especializados na técnica. Fisioterapeutas dermatofuncionais com especialização na técnica também podem realizá-la.

Microagulhamento dói?

Dor é sempre relativa. Mas, de forma geral, no caso de agulhas com comprimento de 0,2 a 0,3, a dor é bem tolerável. Para agulhas acima de 0,5, pacientes relatam dor.

Se houver a aplicação de pomada anestésica de alta potência ou anestesia local injetável, o microagulhamento torna-se um procedimento muito tolerado, mesmo quando feito de forma mais intensa. Importante enfatizar que somente médicos têm autorização para aplicação de pomada anestésica de alta potência ou anestesia local injetável.

Resultados: o que esperar do microagulhamento

Geralmente são indicadas de uma a três sessões, a depender da severidade do quadro e da indicação.

O pós da IPCA é geralmente tranquilo, com mínimo desconforto. A redução das manchas e a melhora da qualidade da pele são vistas nos primeiros 15 a 30 dias. O auge da produção de colágeno induzida pela IPCA é em torno de 3 meses, quando vemos a melhora de rugas, cicatrizes e estrias.

Geralmente, pode-se observar que, após o microagulhamento, por até oito meses ainda existe a produção de colágeno.

Em relação a preços, pode haver grande variação dependendo do local (cidade, clínica) onde o tratamento será realizado. O valor costuma variar entre R$400 a R$600 por sessão.

Geralmente, o tempo de intervalo entre uma sessão e outra é de um mês. Cada sessão dura cerca de 30 minutos a 1 hora. Mas tudo isso pode variar de acordo com o tipo de tratamento.

Cuidados antes e depois do microagulhamento

Os principais cuidados antes do procedimento são:

  • Deve ser realizada uma avaliação para indicar o melhor tratamento a ser feito com o microagulhamento;
  • É indicado que a paciente suspenda pelo menos três dias antes o uso de qualquer tipo de ácido que esteja usando para evitar possíveis quadros alérgicos;
  • É necessário realizar uma boa limpeza de pele;
  • É indicado ainda ingerir vitamina C, pois ela auxilia na produção de colágeno.

Depois do procedimento, as orientações básicas são:

  • Não utilizar protetor solar e maquiagem por pelo menos 24hs;
  • Não se expor ao sol durante o processo inflamatório (três a cinco dias após);
  • Evitar contato com animais e mãos sujas na região tratada, prevenindo assim o risco de contaminação;
  • Utilizar produtos com autorização do profissional que realizou o tratamento, para melhores resultados.

Riscos e contraindicações do microagulhamento

As contraindicações são:

  • Infecção ativa como herpes no local ou outra infecção;
  • Tendência à cicatrização com quelóides;
  • Gestação;
  • Imunossupressão.

Grávidas não podem realizar o procedimento pois o risco de hiperpigmentação é muito grande devido às alterações hormonais.

A técnica é segura, pois, ao perfurar a pele, mantém-se a epiderme íntegra e, com isso, os riscos de alguma complicação são baixas.

Os efeitos colaterais podem surgir se houver aplicação ou indicação incorreta. Pode levar à formação de cicatrizes e manchas no local do tratamento. Os cuidados no pós-procedimento por parte do paciente, como através do uso do filtro e prevenção a exposição solar, também auxiliam na prevenção de manchas pós-procedimento.

Associada ao microagulhamento, deve-se utilizar entre as sessões cremes antirrugas e clareadores para melhora e manutenção dos resultados. Para pacientes com manchas, as sessões podem ser alternadas com peelings químicos. Para cicatrizes e rugas profundas, na mesma sessão pode ser aplicada a técnica de tunelização dérmica, que faz um descolamento da lesão e maior produção de colágeno local.

Para garantir maior sucesso no tratamento e nos cuidados gerais com a beleza da pele, o microagulhamento deve ainda ser associado com uma alimentação rica em proteínas (que ajudam a estimular a formação de colágeno na pele), com a proteção solar diária (usando protetor com FPS acima de 30) e com o consumo adequado de líquidos (especialmente água). Quem fuma deve se esforçar ao máximo para parar, pois este é um hábito totalmente destrutivo para a beleza e a saúde de uma forma geral.

Espero que tenham gostado!

Bjs!!♥

Cuidados com a pele

Máscaras faciais caseiras: 15 receitas econômicas e eficazes

Olá pessoal!! Tudo bem?

Existem diversos tipos de máscaras para a pele por aí, mas fazer o tratamento com produtos aplicados por um profissional pode ser caro de manter. É claro que esses tratamentos estéticos aplicados nas clínicas têm seu valor, mas você pode fazer máscaras faciais caseiras todo dia ou toda semana e ir ao profissional com menos frequência para uma boa limpeza de pele.

Resultado de imagem para mascaras faciais caseiras

Veja 15 receitas de máscaras faciais caseiras muito simples de fazer e aplicar. Todas usando ingredientes que você já tem em casa e que são muito saudáveis, promovendo a saúde da sua pele.

1. Máscara de café com mel

Essa máscara é simples de fazer e muito prática de aplicar, já que não precisa ficar muito tempo na pele. Ótima para quando estiver cansada, mas não quiser deixar de se cuidar antes de dormir.

Ingredientes

  • Café solúvel: 2 colheres de chá;
  • Mel: 1 colher de chá.

Modo de preparo e aplicação

1. Junte os ingredientes em recipiente com tampa (para usar mais vezes) e misture bem.

2. Aplique a mistura na pele limpa, massageando levemente durante, aproximadamente, 1 minuto.

3. Enxágue com água e pode aplicar 3 vezes por semana.

2. Máscara de suco de tomate

O tomate é uma fruta com efeito antioxidante que ajuda na renovação das células. Como consequência, você terá uma pele rejuvenescida e mais saudável.

Ingredientes

  • Leite: 2 colheres de sopa;
  • Suco de tomate: 1 colher de sopa.

Modo de preparo e aplicação

1. Junte os 2 ingredientes num recipiente e misture muito bem.

2. Aplique a mistura na pele limpa e deixe agir durante 10 a 15 minutos.

3. Depois remova com água abundante e pronto. Pode fazer esse tratamento todas as noites.

3. Máscara de limão com mel

O limão, assim como o tomate, possui um potente efeito antioxidante, enquanto o mel age com esfoliante. Faça essa máscara à noite, pois o limão mancha a pele quando é exposta ao sol.

Ingredientes

  • Mel: 2 colheres de chá;
  • Suco de limão siciliano: 1 colher de chá.

Modo de preparo e aplicação

1. Em um recipiente, misture muito bem os ingredientes.

2. Com a pele limpa, aplique e massageie fazendo uma esfoliação durante 3 a 5 minutos.

3. Depois remova com água fresca e pode ir dormir com a pele limpinha. Pode fazer esse tratamento 2 vezes por semana.

4. Máscara de babosa e cúrcuma

A babosa é excelente para tratar da pele e dos cabelos, trazendo muita hidratação e ajudando a cicatrizar espinhas. A cúrcuma potencializa estes mesmo efeitos.

Ingredientes

  • Gel de babosa: 2 colheres de sopa;
  • Cúrcuma: 1 colher de chá.

Modo de preparo e aplicação

1. Pegue uma folha de babosa, abra ao meio e extraia seu gel natural para um potinho. Misture a cúrcuma.

2. Aplique a mistura na sua pele limpa e deixe agir por 10 minutos. Depois remova com água em temperatura ambiente. Faça esse tratamento 3 vezes por semana.

5. Máscara de clara de ovo

Mais uma vez vamos utilizar o limão, mas agora com a clara de ovo, que é rica em proteínas e confere hidratação e maciez para a pele.

Ingredientes

  • Suco de limão siciliano: 2 colheres de chá;
  • Clara de ovo: 1 colher de chá.

Modo de preparo e aplicação

1. Antes de ir deitar, faça essa mistura dos ingredientes e aplique na pele limpa.

2. Espere secar e depois remova com água, finalizando com seu hidratante ou tonificante de costume.

3. Lembre-se que o limão não deve ser usado se você for sair ao sol, pois pode manchar a pele. Pode fazer esse tratamento 3 vezes por semana.

6. Máscara de óleo de coco

Já falamos sobre a cúrcuma, que ajuda a cicatrizar e desinflamar a pele, e agora ela vai agir junto do óleo de coco, que vai hidratar e nutrir a pele.

Ingredientes

  • Óleo de coco: 1 colher de sopa;
  • Cúrcuma: meia colher de sopa.

Modo de preparo e aplicação

1. Em um recipiente, misture muito bem os ingredientes.

2. Com a pele limpa, aplique e massageie. Deixe agir de 5 a 10 minutos.

3. Depois remova com água fresca e pode ir dormir com a pele limpinha. Pode fazer esse tratamento 2 vezes por semana.

7. Máscara de iogurte

O iogurte também deixa a pele bem macia e hidratada, e vai agir junto com o efeito antioxidante do limão, que também nutre a pele com suas vitaminas.

Ingredientes

  • Suco de limão siciliano: 2 colheres de sopa;
  • Iogurte natural sem açúcar: 2 colheres de sopa.

Modo de preparo e aplicação

1. Em um recipiente, misture muito bem os ingredientes.

2. Com a pele limpa, aplique e massageie. Deixe agir de 5 a 10 minutos.

3. Depois remova com água fresca e pode ir dormir com a pele limpinha. Pode fazer esse tratamento 2 vezes por semana.

8. Máscara de mel e canela

Faça uma máscara esfoliante e hidratante, os efeitos da canela e do mel. Pele doce e rejuvenescida.

Ingredientes

  • Mel: 1 colher de sopa;
  • Canela: 1 colher de chá.

Modo de preparo e aplicação

1. Em um recipiente, misture muito bem os ingredientes.

2. Com a pele limpa, aplique e massageie fazendo uma esfoliação durante 3 a 5 minutos.

3. Depois remova com água fresca e pode ir dormir com a pele limpinha. Pode fazer esse tratamento 2 ou 3 vezes por semana.

9. Máscara de aveia

A aveia é um alimento muito rico em vitaminas e minerais, além de ser um ótimo esfoliante natural para remover as células mortas da sua pele. Dentre as máscaras faciais caseiras, esta é uma das melhores e mais completas.

Ingredientes

  • Farelo de aveia: meia xícara;
  • Mel: meia colher de chá;
  • Óleo de camomila: 2 gotas;
  • Óleo de gerânio: 2 gotas;
  • Leite: 2 colheres de sopa.

Modo de preparo e aplicação

1. Misture todos os ingredientes em um potinho.

2. Com a pele já limpa, aplique o creme e vá fazendo movimentos circulares, massageando todo o rosto, promovendo a esfoliação.

3. Deixe agir durante 15 minutos e depois remova com água morna para manter o efeito calmante dos óleos e do leite na pele.

10. Máscara de pepino

Certamente você já viu muitas fotos de pessoas com duas rodelas de pepino nos olhos. Isso por que ele promove um efeito calmante e ajuda a tirar as manchas. Veja essa receita.

Ingrediente

  • Pepino: meia unidade.

Modo de preparo e aplicação

1. Você só vai precisar colocar o pepino em um triturador até que vire uma pastinha. Ele mesmo tem água suficiente para isso.

2. Depois, aplique em todo o rosto já limpo e deixe agir durante 15 minutos. Remova com água fria e utilize seu creme ou tonificante de costume.

11. Máscara de beterraba

Essa é uma das máscaras faciais caseiras mais ricas em vitamina C, o que é bom para renovar as células da pele, rejuvenescendo, eliminando manchas e estimulando a produção de colágeno.

Ingredientes

  • Beterraba: meia unidade;
  • Água: 1 xícara;
  • Aveia em flocos: para engrossar.

Modo de preparo e aplicação

1. Descasque a beterraba, rale-a e coloque a no liquidificador junto com a água e a aveia.

2. Bata muito bem até virar um creme engrossado. Coloque a aveia aos poucos para não ficar muito duro.

3. Depois, lave bem o rosto, seque e aplique a máscara, que deve agir por 20 minutos.

4. Remova a máscara com água em temperatura ambiente e pronto.

12. Máscara de abacate

O abacate é uma fruta muito saudável, mas deve ser usada com menos frequência por quem tem pele oleosa. Ele também é oleoso e é bom para hidratar a pele seca e mista. Previne as linhas de expressão, fornece vitamina A e E, estimula o colágeno e uniformiza a pele.

Ingredientes

  • Abacate: 1 unidade pequena;
  • Soro fisiológico: até dar o ponto.

Modo de preparo e aplicação

1. Abra o abacate ao meio e retire toda a polpa em pedaços. Coloque em um pote.

2. Depois, vá mexendo o abacate e misturando soro fisiológico até dar o ponto de creme grosso que vai ficar firme no rosto.

3. Aplique na pele limpa, do rosto e pescoço. Deixe agir por 20 minutos. Depois é só enxaguar bem com água em temperatura ambiente.

13. Máscara de coco verde

Você já viu a máscara de óleo de coco, e essa de coco verde tem objetivos parecidos. Porém, ao colocar a polpa do coco verde gelado sobre a pele, ela será muito menos oleosa do que o óleo de coco, então é uma alternativa para peles oleosas.

Ingredientes

  • Coco verde gelado: 1 unidade.

Modo de preparo e aplicação

1. Depois de deixar o coco gelando na geladeira, faça um buraco cortando a tampa e remova a água de coco para um copo.

2. Depois separe a polpa da casca e coloque junto com a água do coco no liquidificador.

3. Bata até ficar bem cremoso e desfeito. Aplique na pele limpa, deixando agir por 20 minutos. Depois enxague em água da torneira.

14. Máscara de kiwi e argila verde

A argila é um ingrediente muito utilizado na estética. Máscaras para cabelos com argila são muito comuns, e até máscaras faciais caseiras como essa. O kiwi é a fonte de vitamina C que vai renovar as células danificadas. Essa é uma máscara esfoliante, cicatrizante, revitalizante e antisséptica.

Ingredientes

  • Kiwi: 1 unidade;
  • Argila verde: 2 colheres de sopa;
  • Água: para dar o ponto da máscara.

Modo de preparo e aplicação

1. Descasque e esmague o kiwi para virar um purê. Para isso é bom que esteja maduro.

2. Depois adicione a argila, a água e mexa até dar o ponto de aplicar na pele sem escorrer. Se precisar coloque mais água.

3. Aplique na pele já falada e seca. Faça movimentos circulares com os dedos para esfoliar.

4. Deixe agindo por 10 minutos depois de esfoliar o rosto todo.

5. Remova com água da torneira, seque e pronto.

15. Máscara de óleo de melaleuca

Essa é uma das máscaras faciais caseiras para quem tem acne. O óleo de melaleuca é um excelente curativo para acne, limpando a pele e curando a inflamação. Mas deve ser feito uma vez por semana, pois é oleoso e só precisa agir por pouco tempo.

Ingredientes

  • Canela em pó: 1 colher de sopa;
  • Mel: 1 colher de sopa;
  • Óleo de melaleuca: 2 gotas.

Modo de preparo

1. Misture todos os ingredientes em um recipiente.

2. Quando formar uma pastinha que dê para passar no rosto, aplique na pele bem limpa. Massageie para esfoliar e deixe agir por 20 minutos.

3. Depois enxague com água morna, seque e deixe a pele assim limpa para dormir ou por algumas horas.

Cuidados a ter

Mesmo que todos os produtos sugeridos sejam naturais, cada organismo reage de forma diferente. Por isso é que algumas pessoas têm alergias e outras não. Então, antes de aplicar qualquer uma das máscaras no rosto todo, aplique um pouco na parte de dentro do antebraço e deixe agir uns 15 minutos.

Depois desse tempo, remova a máscara do braço e observe se teve qualquer sinal de alergia, como coceira, inchaço, vermelhidão ou pipocos. Se não, então pode aplicar no rosto. Se sim, não aplique, pois é possível que o seu organismo seja alérgico a algum dos ingredientes.

Dicas para aplicar

Como você viu em todas as formas de aplicação, é muito importante que qualquer uma das máscaras faciais caseiras seja aplicada com o rosto bem limpo. Para isso, lave com água abundante e sabão neutro ou específico para o seu tipo de pele.

Depois de lavar o rosto e estar com a maquiagem completamente removida, é hora de aplicar a máscara. Sempre aplique fazendo movimentos circulares pela face. Depois deixe agir pelo tempo recomendado.

Se tiver a pele oleosa, não enxague com água morna. Prefira sempre a água fria, assim a pele não resseca e os produtos mais oleosos são bem menos absorvidos.

Prefira aplicar qualquer uma das máscaras faciais caseiras à noite, antes de dormir. Assim o efeito é mais profundo, pois a pele vai ficar limpa e sem pegar poluição da rua por muitas horas.

 

Bjs!!♥

Cuidados com a pele

Pele oleosa também precisa de hidratação? Tire suas dúvidas!

Olá pessoal!! Tudo bem?

A hidratação é fundamental para todo tipo de pele, inclusive a oleosa. Ao contrário do que muitos pensam, manter a pele bem hidratada ajuda a controlar a aparência brilhosa que tanto incomoda mulheres e homens. Saiba mais sobre o assunto e descubra como escolher o melhor hidratante para pele oleosa!

Características da pele oleosa

Resultado de imagem para pele oleosa

A pele oleosa é a mais comum no Brasil devido a diversos fatores, como: clima, genética, alimentação, estresse, uso de produtos não indicados para seu tipo de pele, alterações hormonais, entre outros motivos. Este tipo de pele pode ser identificado facilmente através de algumas características, como a superfície espessa, os poros dilatados, a maior tendência à acne, aparência brilhosa e a pouca duração da maquiagem no rosto.

Para controlar a oleosidade e ressaltar as melhores características da pele oleosa, ela precisa de cuidados específicos com produtos apropriados. Caso contrário, esse tipo de cútis fica mais propenso à acne. A rotina de quem tem pele oleosa deve conter os seguintes passos: higienização, tonificação, proteção solar e hidratação. Sim! Mesmo com a oleosidade, ela precisa ser hidratada.

Qual a importância da hidratação para a pele?

Como hidratar a pele oleosa?

A hidratação é essencial para a pele, pois repõe a água, uma substância muito importante para um bom funcionamento do corpo – e da pele. O ideal para manter a pele hidratada é combinar o uso de cremes e a ingestão correta de água, que deve ser de, no mínimo, dois litros por dia. O consumo desse líquido é indispensável, porque age nas camadas mais profundas da pele e mantém o corpo protegido contra micro-organismos nocivos, como vírus e bactérias.

Hidratar a pele diariamente e com produtos adequados para cada perfil só lhe trará benefícios. Entre eles está a prevenção do aparecimentos das rugas, linhas de expressão e estrias. Além disso, a hidratação contribui para deixar a pele iluminada e evita descamação, sensibilidade, aspereza e coceira, sinais que aparecem quando a cútis está ressecada. Ao contrário do que a maioria das pessoas pensam, hidratar a pele não deixa o rosto mais oleoso e sim ajuda a controlar esse excesso de sebo.

Deve-se, também, evitar a lavagem em excesso, já que isso pode provocar o chamado ‘efeito rebote’, levando a uma maior produção de gordura na pele.

Por que a pele oleosa deve ser hidratada?

Resultado de imagem para pele oleosa

Quem pensa que a pele oleosa não precisa de hidratação está enganado. Grande parte do sebo, que dá a aparência brilhosa à pele, é produzido com o objetivo de hidratar a pele, o que é conhecido como efeito rebote. Por essa razão, se a cútis já estiver bem hidratada, o corpo irá entender que não é necessário produzir tanta oleosidade para suprir essa necessidade, deixando a sua pele menos oleosa.

Além disso, uma pele bem hidratada tem mais tolerância aos dermocosméticos utilizados no tratamento da oleosidade, como os ácidos, por exemplo. Ainda, a desidratação deixa a cútis mais vulnerável a agressões externas como os raios solares, o frio e a poluição. Com a hidratação em dia, sua pele fica com a textura melhor, mais viço e uma aparência iluminada saudável, basta escolher o hidratante para seu tipo de pele.

Características dos produtos para pele oleosa

Resultado de imagem para cuidados com a pele

Se você possui pele oleosa, na hora de escolher seu hidratante, aposte em dermocosméticos com toque seco e efeito mate. Hoje em dia, já existem produtos que, além de hidratar a pele, ajudam a disfarçar os poros dilatados que tanto incomodam e ainda a controlar a oleosidade, funcionando como uma forma de tratamento para deixar a pele bonita e saudável.

Os melhores produtos para pele oleosa são aqueles com textura em gel, séruns, fluidos e loções. Além disso, procure especificações na embalagem do dermocosmético, como os termos oil-free (livre de óleos), não comedogênico, toque seco e efeito mate. Não se esqueça que cada tipo de pele requer cuidados e produtos e específicos, por isso consulte um dermatologista e escolha os que mais atenderão as necessidades da sua cútis.

Inimigos letais

Imagem relacionada

Agora que você já sabe em quais produtos apostar, logo fica mais fácil entender quais tipos devem passar bem longe do seu necessáire. Para ajudar: cremes, principalmente aqueles mais espessos, e óleos vegetais, como os de glicerina e lanolina, geralmente indicados para pele seca, vão acabar obstruindo seus poros, aumentando a oleosidade e, por fim, levando à acne.

A maquiagem do dia a dia também precisa estar de acordo com seu tipo de pele. Novamente, na hora de escolher a base, o corretivo e o pó, prefira produtos oil free e não-comedogênicos.

Gostaram das dicas?

Bjs!!♥

Cuidados com a pele

7 motivos para você não dormir maquiada NUNCA mais!

Olá pessoal!! Tudo bem?

Se você é do tipo que ama se maquiar, mas tem muita preguiça de tirar a maquiagem… é melhor continuar por aqui. Sabemos que chegar de madrugada daquela festa top, a nossa única vontade é se jogar na cama, mas vamos deixar a preguiça de lado e tirar a maquiagem, porque se não o futuro da sua pele vai ser complicado!

Imagem relacionada

1. A pele vai ficar mais oleosa do que aquela batata frita…

A oleosidade excessiva danifica o seu rosto, fazendo com que apareça mais cravos e acne. Se você é adolescente, a oleosidade pode ser pior.

2. Olá, minha antiga amiga espinha.

Sim, com oleosidade e a sujeira acumulada da maquiagem as “queridas” espinhas vão lotar o seu rosto.

3.  Você pode ter que dar um pulo no hospital.

Dependendo do tipo de maquiagem que você passou, principalmente se for na região dos olhos, pode causar alguma alergia.

4. Desnutrição que fala, né?

Mesmo com oleosidade, o seu rosto vai começar a ficar mais ressecado. Isso porque a pele não consegue sintetizar os nutrientes durante o sono, devido ao excesso de sujeira.

5. Você vai ser tornar uma vovozinha em breve

Já que a sua pele não consegue absorver os nutrientes, ela começa a envelhecer de forma mais rápida. Então se você continuar nessa vida de não tirar a maquiagem, provavelmente vai ter rugas antes dos 30.

6. A sua pele não vai respirar

Os poros da pele não respiram, então a sujeira e os resquícios de maquiagem vão se acumulando e deixando a pele com o aspecto de descamação.

7. Mais olheiras para cuidar nessa vida

Devido a irritabilidade que os produtos podem causar nos olhos, a olheira pode ficar mais profunda no dia seguinte.

Aproveite as dicas!

Bjs!!♥

Cuidados com a pele

Cuidados essenciais para uma pele negra bonita e saudável

Olá pessoal!! Tudo bem?

Com uma genética naturalmente turbinada, a pele negra apresenta altos níveis de melanina e de colágeno, substâncias que a tornam mais protegida dos raios do sol e mais resistente a marcas de envelhecimento, como rugas e linhas de expressão.

Apesar disso, existem outros fatores, como oleosidade, e regiões mais sensíveis, como a do rosto, que merecem cuidados essenciais para que a pele fique sempre sedosa, uniforme e naturalmente brilhante.

Resultado de imagem para cuidados pele negra

Protetor solar

Por mais que a pele negra já seja naturalmente mais protegida dos raios do sol, a alta concentração de melanina pode acabar resultando na hiperpigmentação de algumas regiões, o que deixará marcas mais escuras e indesejadas. Por isso, passar protetor solar com fator de proteção FPS no mínimo 30 continua sendo muito importante mesmo em dias nublados.

Controle de oleosidade

Apresentando algumas regiões, como a do rosto, mais oleosas do que outras, o ideal é utilizar produtos cosméticos sem óleo e tratá-las com sabonetes ou géis adstringentes. Lave o rosto duas vezes ao dia com esses produtos e sinta a diferença no dia a dia imediatamente.

Hidratação e nutrição

Para partes do corpo mais secas, como os braços e as pernas, a aplicação de um creme hidratante é essencial para a nutrição adequada dos tecidos. Além de deixar a pele mais suave, irá evitar qualquer tipo de descamação. Passe o creme logo após o banho, quando os poros estão mais abertos e podem absorver mais os nutrientes presentes, e antes de dormir, já que, durante a noite, a pele sofre menos agressões de agentes externos.

Prevenção e tratamento de foliculite

A pele negra oleosa e com a característica de pelos e de cabelos mais encaracolados é mais propensa ao surgimento de foliculite. Caso essa condição não seja tratada da maneira correta, manchas podem se tornar permanentes. Para prevenir, a melhor e mais simples opção é realizar esfoliações com certa frequência. Mas, se o problema já está mais avançado, o ideal é procurar um dermatologista para avaliar e indicar o tratamento correto.

Até breve!

Bjs!!♥

Cuidados com a pele

Os cuidados que todo homem deve dar à pele do rosto

Olá Pessoal!! Tudo bem?

Hoje o assunto é masculino. Sim!! Muitos homens não sabem a importância de cuidar bem do rosto.

Todo homem precisa incorporar à sua rotina diária o cuidado com a pele do rosto. A gente nota que muitos caras ainda não se deram conta de que pele bem tratada conta pontos no trabalho e nos encontros. Se você ainda não incorporou essa rotina aos seus hábitos, até por preguiça ou falta de tempo, comece já! Além de notar os benefícios na hora, você faz um investimento para o futuro: vai perceber outros ganhos quando tiver 40 anos, 50 anos. Para um homem, o cuidado com a pele não toma tempo. Investindo não mais do que 10 minutos no ritual, de manhã e à noite, você evita excesso de oleosidade e brilho, rugas, pelos encravados, espinhas, manchas de sol e até câncer de pele. Confira os cuidados fundamentais para a pele masculina de dia e de noite.

Resultado de imagem para cuidados com a pele do rosto masculino

Pela manhã ao acordar

Lave e hidrate o rosto

Ao acordar ou durante o banho, lave o rosto com sabonete específico para uso facial, em barra ou gel. Não pode ser o mesmo que você usa no corpo, que é mais detergente e resseca a pele. Melhor ainda, dê preferência a um sabonete formulado para a pele masculina, que é mais grossa e oleosa do que a feminina. Quem sofre com acne ou excesso de brilho, deve optar por produtos que controlam a atividade das glândulas sebáceas e diminuem a oleosidade.

Depois de lavar, aplique hidratante no rosto, mesmo se tiver pele oleosa. Sem a hidratação pós-limpeza, as glândulas sebáceas começam a trabalhar dobrado para compensar o ressecamento, aumentando a oleosidade. Loções e géis são geralmente mais leves e refrescantes do que os cremes e não deixam sensação de cara melada. Alguns hidratantes têm ativos que regulam a produção de sebo e deixam o rosto seco por mais tempo.

Passe protetor solar

Você pode até não adotar nenhum cuidado com a pele, mas os dermatologistas afirmam que filtro solar é artigo de primeira necessidade, em qualquer idade. Seu uso diário previne o surgimento de manchas, rugas precoces e câncer, comprovadamente causados pela radiação solar. Tanto os raios ultravioleta como a luz visível (a que nos faz enxergar as coisas) danificam as células da pele e provocam danos ao DNA que vão se acumulando durante  a vida toda. Passe pela manhã protetor solar com FPS 30, no mínimo, e, se der, reaplique à tarde. Existem muitos hidratantes faciais que também agem como filtros solares. E filtros solares que também hidratam a pele e controlam a oleosidade.

À noite, antes de dormir

Repita a limpeza do rosto

Antes de dormir, faça novamente o mesmo ritual da manhã: primeiro, lave o rosto com sabonete neutro, desta vez para eliminar a sujeira acumulada, que pode provocar cravos e espinhas. Em seguida, aplique hidratante.

Faça esfoliação

Duas vezes por semana, em vez de sabonete use esfoliante para limpar o rosto.Os produtos esfoliantes retiram não só a sujeira e o sebo, mas também células mortas da camada superficial da pele, pela ação de micropartículas. Deixam a pele mais lisa e macia, facilitam o barbear e ajudam a prevenir pelo encravado, cravos e espinhas. Quem tem pele grossa e oleosa podem fazer esfoliação com mais frequência do quem tem pele seca e sensível.

Aplique creme anti-idade

À noite, uma boa ideia é substituir o hidratante da manhã por outro de uso noturno: durante o sono ocorre um processo de renovação celular que repara os danos causados à pele durante o dia por estresse, poluição e radiação solar. Depois dos 30 anos, opte por um creme anti-idade, que tem substâncias que previnem rugas e envelhecimento precoce. Há várias opções de produtos: com ação nutritiva (contribuem para a produção de colágeno, proteína que dá sustentação à pele), antioxidante (previnem o envelhecimento precoce), tensora (melhoram a elasticidade da pele) ou clareadora (ajudam a diminuir manchas e uniformiza o tom da pele).

Operação realizada com sucesso!

Viu como o trato diário da pele do rosto é rápido e não tem mistério? Como a gente disse lá em cima, dá para notar imediatamente os benefícios de incorporar hábitos de limpeza, hidratação e proteção solar à rotina. Mas muitas outras vantagens você só vai perceber lá na frente, quando tiver 40, 50 anos.

Fonte: Homem no espelho

Bjs!!♥

Cuidados com a pele

Tatuagem para camuflar olheiras: Método pode trazer alguns perigos

Olá Pessoal!! Tudo bem?

Algumas pessoas podem se sentir desconfortáveis com a presença de olheiras, melasma, manchas de vitiligo, estrias ou cicatrizes na pele. Muitas vezes, o uso de maquiagem com corretivos, por exemplo, tenta camuflar essas alterações na pele.

Atualmente, está sendo oferecida no mercado por profissionais não médicos a opção de fazer tatuagens sobre as alterações da pele, numa tentativa arriscada de cobrir essas tais imperfeições.

É importante ressaltar que não há indicação médica para essa finalidade e que esses procedimentos não são isentos de riscos, sendo que não são de atuação dermatológica –ou seja, não são reconhecidas pelas autoridades de Medicina e Dermatologia do país.

12

O que é

A tatuagem para cobertura de olheiras é uma técnica estético-reparativa. Ela é feita como uma tatuagem convencional, usando a mesma máquina, agulha e tipo de tinta dos desenhos decorativos feitos na pele. A principal diferença é a região, que é mais sensível, aparente e exige cuidados.

Assim como as tatuagens em geral, os pigmentos utilizados no processo podem causar reações alérgicas em curto e longo prazo, com o organismo tentando “expulsar” o pigmento. Isso pode gerar inflamação crônica e ferida no local de difícil cicatrização.

Além disso, nosso tom de pele muda com a idade e com a exposição à luz solar, de forma que uma tatuagem feita com pigmento próximo ao do tom da sua pele no verão pode não ter a mesma coloração no inverno e a diferença de cor entre as regiões pode ser ainda mais marcante que a própria estria ou cicatriz.

Na área dos olhos, o processo de envelhecimento torna a região mais flácida, com rugas e mais profunda. Assim, a pigmentação feita para tentar cobrir a alteração da pele, com o tempo, pode também oxidar, mudar de tom e se tornar irregular, evidenciando ainda mais as olheiras.

Tanto olheiras como estrias, cicatrizes e manchas escuras ou claras têm tratamento, que podem ser feitos com cremes clareadores, filtro solar, peelings, lasers, entre outros; sendo que o médico dermatologista é o profissional capacitado para diagnosticar e indicar o tratamento adequado.

Fonte: Uol
Cuidados com a pele

Cuidados com a pele no inverno

Olá pessoal!! tudo bem?

Resultado de imagem para cuidados com a pele no inverno

No inverno, como de costume, deixamos a rotina de cuidados com nossa pele, cabelos e alimentação.

Diminuímos a ingestão de água, consumimos alimentos mais calóricos, e dispensamos cuidados básicos com a pele, como o uso de hidratantes corporais e labiais.

Os banhos extremamente quentes também aumentam, assim como, o uso de secadores e chapinhas, danificando também os nossos cabelos.

Ressecamento, sensação de estiramento da pele, aspecto de enrugado e rachadura são alguns dos sintomas que sentimos na pele corporal e labial.

Os cabelos ficam mais fracos, sem brilhos, com aspecto de desgaste dos fios.

Mas como evitar esses sintomas e o investimento em consultas e cosméticos para solucionar depois esses problemas?

A dica é simples: manter a rotina de cuidados com o corpo, pele e cabelos!

Outras dicas de cuidados com a pele no inverno

1. Hidratantes labiais

Os lábios são os que mais sofrem os efeitos desse tempo frio. Por isso, não esquecer de protege-los é a regra nº 1!

2. Evite banhos quentes

Os banhos em altas temperaturas ressecam a pele e podem provocar dermatites.

Nessa épocas, quando não consigo evitar banhos quentes devido ao frio, percebo o ressecamento e o surgimento de dermatites na minha pele!

No dia seguinte, opto por reduzir a temperatura para evitar o aumento desses sintomas!

3. Hidrantes e óleos corporais

Frio, nos vestirmos o mais rápido possível e então, esquecemos de proteger a pele!

Uma ótima opção é você investir nos óleos corporais indicados para uso durante o banho. Existem várias opções.

Os óleos corporais mantém a pele hidratada e macia por até 24 horas. Para peles bem ressecadas, ou se você esquece dos hidratantes, essa dica pode lhe ajudar muito!

4. Protetor térmico para o cabelo

Como aumentamos o uso de secadores e chapinhas, invista em protetores térmicos para proteger os fios antes e pós uso!

Note que são poucas diferenças da rotina que mantemos no verão. Muda a base do creme hidratante, porém, não muda o fato de mantermos a rotina de hidratação da pele!

Por isso, o segredo é rotina! E sempre beba bastante água!

Bjs!!♥